sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Algures por aqui

onde se lê algures deve ler-se aqui

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

domingo, 26 de dezembro de 2010

Foi bonita a festa pá !!!! :))

Para quem não participou na festa de homenagem ao Mestre António, na comemoração dos seus 100 anos,
Dedico hoje a mesma canção do Chico Buarque, "Tanto Mar"



"Sei que estás em festa pá!
Fico contente,
enquanto estou ausente,
guarda um cravo para mim"

"Manda urgentemente um cheirinho a Alecrim"

LN

O problema não está na falta de médicos

o problema está em haver doentes a mais

sábado, 25 de dezembro de 2010

Foi bonita a Festa pá !!!!

A TODOS QUE PARTICIPARAM NA FESTA DO TIO ANTÒNIO
E QUE A TORNARAM NUM DIA TÂO ESPECIAL E BONITO
BEM HAJAM!!!!

ESTE Filme é dedicado a todos que quiseram juntar-se para homenagear O nosso querido Mestre António


Foi mesmo bonita a festa....

LN

100 Anos - Foi bonita a Festa pá!!!!

"Os 100 anos do Mestre António - Parabéns Mestre!"

Parabéns Mestre António pelos seus cem anos. Parabéns Mestre pelos trinta e seis mil e quinhentos dias de desencontros e encontros com a vida, das dúvidas e certezas na busca das palavras certas, Mestre.
Porquê hoje, as palavras certas?
Palavras que hoje não encontro para, sumidas na imensidão dos seus cem anos, ser atrevido e procurar encontrá-las apenas nos nossos encontros, poucos, mas firmes na minha memória.
Porquê hoje, as palavras certas?
A consciência do meu eterno amigo compadre Consciência disse-me na última madrugada - Não trago na memória recordação de alguém ter comemorado, em vida, cem anos em Vale do Pereiro - Estará certo o relógio do tempo da lembrança?
Estou certo que sim, Parabéns Mestre!
E, se o relógio falhou, estou também certo que o Mestre já não tem idade para a mesquinhice do ciúme.
Porquê hoje, tentar encontrar palavras certas? São tão pequenas as palavras quando confrontadas com os seus cem anos - Haverá palavras por inventar na imensa enciclopédia que foi construindo ao longo dos seus trinta e seis mil e quinhentos dias? Estou certo que não.
Porquê hoje, as palavras certas? Bastando apenas, Parabéns Mestre António!
Dos nossos encontros na melodia do pintassilgo em Vale do Pereiro, cantando no parapeito da minha janela, recordo o primeiro, poucos, mas firmes na minha memória. O Mestre António carregando noventa anos, atrás do balcão da venda, disse em palavras certas e sentidas - Seja bem-vindo à nossa aldeia de Vale do Pereiro, vai gostar. Aqui há gente simples e acolhedora - E foi verdade Mestre, Porquê hoje, as palavras certas? - Eu senti, sentindo o peso da sua verdade.
Aquele dia foi o primeiro dos dez anos felizes que vivi, que aprendi a conhecer e gostar de Vale do Pereiro - O que são dez anos comparados com os seus cem? - Obrigado Mestre António!
Mais tarde, na noite de vinte e quatro para vinte cinco de abril de um ano recente, quando festejavam a liberdade, sentado no banco onde descansava a sua memória, O Mestre folheou o livro do universo imenso da sua vida, das suas experiências ricas e maravilhosas, nem sempre fáceis,
Porquê hoje, palavras certas? Fomos bem adoptados.
E o meu registo ficou para sempre na história que temos em comum - Somos os dois filhos adoptivos de Vale do Pereiro.
Parabéns Mestre António! Parabéns ao povo de Vale do Pereiro, que hoje comemora os cem anos de um filho que vi chegar e adoptou com o carinho próprio dos homens que fazem da dignidade um gesto simples e acolhedor.
Porquê hoje, palavras certas? - Eu sinto sentindo o gesto simples do seu e meu acolhimento, da nossa adopção.
Hoje, em Vale do Pereiro, somos crianças perdidas na contagem das estrelas do universo do Mestre António. São mais as histórias para contar do que as estrelas no céu.
Deixo-lhe aqui a minha crónica, certamente que não são as palavras mais certas, mas são com toda a certeza as que encontrei para o homenagear. São apenas palavras sentidas e profundas.
Parabéns Mestre António!
Porquê hoje, palavras certas, se o pintassilgo vai continuar a cantar?

Vale do Pereiro, 23 de Dezembro do ano 100 (2010)


JOSÉ EDUARDO CARREIRO

Diário do Sul

Obrigado pela homenagem!!!!
LN

Um vasto conjunto de prantos perante um pai natal de chocolate

come-o o o o o o o o o o o

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Directamente de Aksu

o mar está cáspio

100 , os 100, o centenário

100 Anos
António Gomes da Silva
Nasceu em 23 Dezembro de 1910

Freguesia do Pessegueiro, Concelho de Ansião, Leiria

hoje vamos celebrar em Vale do Pereiro (em Arraiolos) os seus 100 anos
de uma vida cheia

Um grande exemplo de vida;
PARABÉNS TIO
por ter chegado tão longe na idade;
e por nos ensinar tantas coisas da vida...

Grande orgulho de estar consigo neste dia...

Luis Neves

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Uma encomenda de António Lobo Antunes ao Diário de Notícias nos idos de Outubro

Há uma falta de pudor por parte das pessoas que escrevem nos blogues sobre os seus estados de alma. É extraordinário que haja pessoas que pensem que os estados íntimos têm importância universal. Os meus, só têm para mim.

O Pior Presidente da República desde 1974 - Prf. Cavaco Silva

O Presidente Cavaco
Nestes últimos 5 anos tivemos o Pior Presidente da República desde que temos um regime Democrático, isto é desde 1974.

O Povo Português vai eleger novamente, com uma grande maioria, outra vez , o Prof. Cavaco para Presidente da República.
Uma segunda oportunidade para ser novamente o Pior Presidente da República de Portugal.

Parece que os Portugueses não querem avaliar o Presidente da República Cavaco , parece que se demitem dessa competência.
Escolhem a pessoa que conhecem, que é um politico presente na nossa vida política há mais de 30 anos. Parece que basta ser uma cara familiar, e as pessoas então vão a correr dar-lhe o voto.

Não admira este tipo de escolha no nosso País.
Há 1 ano e meio, os Portugueses voltaram a eleger, outra vez, o mesmo Primeiro Ministro, o Eng. Sócrates, que será o Pior Primeiro Ministro da nossa Democracia.

Sendo assim , não há muito a esperar do voto dos portugueses.
Vão atrás dos políticos que mais os enganam, deixam-se ir na conversa dos maiores aldrabões que há no mercado da Política.
Não é preciso ser muito esperto para saber quem é que vai ser eleito Presidente nas próximas eleições de 23 de Janeiro.

Vão continuar as mesmas pessoas que estão no poder deste país há 30 e tal anos. Os mesmos de sempre a mandar.
A mandar este país para o fundo!
A mandar o País para a bancarouta!!
A deixar o País empobrecer!!!

Mas as pessoas querem manter esta gente.
O que se pode fazer????
Não sei.

LN

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Um grande golo

gooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooolo

Encontros em Nova Iorque; filme de Nicole Holofcener




Filme muito giro;
A história está muito bem escrita.

Muitas estrelas, mesmo muitas.

Boa onda este filme.
Sinopse (do Sapo - Cinema)
Kate tem muito em que pensar. É o peso na consciência por comprar mobília a preços baixos (de pessoas que faleceram recentemente) e vendê-la a preços exorbitantes na sua loja fashion de Manhattan. É o materialismo da sua filha adolescente Abby. São os problemas no casamento, uma vez que Kate e o seu marido Alex partilham tudo, inclusivamente o negócio, mas alguma coisa não está bem. E é o constante pensamento que surge a Kate: como viver bem e ser uma boa pessoa, quando todos os dias se depara com pobreza e tristeza? Além de tudo isto, existem ainda as vizinhas: a rabugenta e idosa Andra e as suas duas netas. À medida que Kate, Alex e Abby interagem com as vizinhas, com eles próprios e com Nova Iorque, vai surgindo um misto de amizade, decepção, culpa e amor, que é tudo menos simples.

LN

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Cópia Certificada, Filme de Abbas Kiarostami

Muito giro o Filme "Cópia Certificada"

Com a Fantástica Juliette Binoche
Que ganhou com esta interpretação o prémio de melhor actriz em Cannes



Vale a pena, muitas estrelas dou eu a este filme.

LN

A parte mais empolgante do hino nacional da Finlândia

Cheat Khmer dauch Thmar kong vong n­y l­ar rung peung chom hor

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

O Onório Causa perdido numa montanha mágica na página quarenta e três à beira da tartufice

talvez o belo e austero nome de pudicícia

Corpo habitado; poema

Corpo habitado

Corpo num horizonte de água,
corpo aberto
à lenta embriaguez dos dedos,
corpo defendido
pelo fulgor das maçãs,
rendido de colina em colina,
corpo amorosamente humedecido
pelo sol dócil da língua.

Corpo com gosto a erva rasa
de secreto jardim,
corpo onde entro em casa,
corpo onde me deito
para sugar o silêncio,
ouvir
o rumor das espigas,
respirar
a doçura escuríssima das silvas.

Corpo de mil bocas,
e todas fulvas de alegria,
todas para sorver,
todas para morder até que um grito
irrompa das entranhas,
e suba às torres,
e suplique um punhal.
Corpo para entregar às lágrimas.
Corpo para morrer.

Corpo para beber até ao fim -
meu oceano breve
e branco,
minha secreta embarcação,
meu vento favorável,
minha vária, sempre incerta
navegação.


Eugénio de Andrade

no blog WebClub
LN

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Travessuras num galinheiro com cerca de vinte cinco dioptrias em cada olho

pita pita travessura pita pita pita

Carlos Pinto Coelho

Com grande tristeza tenho que fazer este Post.
É uma homenagem postoma a um grande jornalista.
Carlos Pinto Coelho , um grande profissional da Comunicação Social, que já não está comnosco.
Fez Provavelmente um dos melhores programas de sempre na RTP , o "Acontece"
Ainda há 2 dias estava nos ecrãns.
Que grande perda para o país.



fica para sempre na memória.

Luis Neves

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Roupas usadas, Poema

Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas ...
Que já têm a forma do nosso corpo ...
E esquecer os nossos caminhos que nos levam sempre aos
mesmos lugares ...

É o tempo da travessia ...
E se não ousarmos fazê-la ...
Teremos ficado ... para sempre ...
À margem de nós mesmos...

Fernando Pessoa

LN

Homenagem ao António Jorge Gonçalves (com mel)

a abelha maia é loura e tem asas o filipe é verde

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

O problema do Chipre (dirigido ao senador Marco Perduca)

ilhas de penca aduncada viradas à turquia são de difícil solução

domingo, 12 de dezembro de 2010

Manifesto Anti-Cavaco

Mas outra vez este gajo a aparecer nos boletins de Voto;
O Cavaco outra vez Não!!!!
Tirem-no deste Filme.
O gajo que concorra ao Concurso do Malato.
Carago!!!
o Cavaco , outra vez??? o Cavaco!!!
O gajo quer bater o recorde do Salazar , ou quê?
Porra o homem é eterno, e vai a todas!

Já não lhe bastou ir em 1978 pela AD, onde foi ministro das Finanças de Sá Carneiro.
Depois em 1984, candidato a primeiro ministro pelo PPD-PSD , e eleito Primeiro Ministro. Depois com mais 2 Maiorias Absolutas em 1987 e 1991.
O Cavaco nos seus 11 longos anos de Primeiro Ministro, que os PSD's deste país tanto elogiam e gabam, e têm tantas saudades desses anos de prosperidade.
E em 2005 , lá reapareceu novamente ele, 10 anos depois, lá foi ele, o mesmo Cavaco, eleito Presidente da República por mai 5 anos.
E que mandato deprimente.
Para ter um Presidente destes, mais valia ter um Rei. Sempre tinha mais carisma.

E já ninguem se quer lembrar quem eram os seus mais próximos ministros. É bom lembrar quem foram alguns dos principais Ministros e Secretários de Estado do Cavaquismo.
Por exemplo, Oliveira e Costa, digno Banqueiro e presidente do BPN; hoje em dia este ex- Cavaquista está Preso por ter feito uma das maiores fraudes na Banca Nacional.
Será que o Presidente Cavaco terá ao menos enviado a sua solidariedade ao seu ex-ministro.

E quem não se lembra do seu nomeado Conselheiro de Estado da Presidência da República, Dias Loureiro. Uma das principais pessoas no PSD, e um dos mais importantes Ministros do Periodo Cavaquista, sendo um dos principais dirigentes nacionais do PSD. Hoje em dia Dias Loureiro está em maus lençois, a contas com a Justiça, por causa do Banco BPN, onde era um dos principais administradores. Isto eram as pessoas de confiança do Sr. Presidente Cavaco.

Para além de outros apoiantes, de uma pessoa como o Presidente do Governo Regional da Madeira, João Jardim, o maior despesista a nível nacional.

Será que é este tipo de gente, que a Malta cá do nosso País gosta.
Será que é isto que os Portugas vão eleger para o primeiro Magistrado da nação???

Mas acham que este Sr. Cavaco Silva teria lugar em outra instituição europeia ou Mundial , se por acaso não ganhasse este lugar de Presidente da República???

Não! Não tinha lugar em lado nenhum , por falta de capacidades.

Claro que sempre poderia ir para alguma instituição tipo Banco de Portugal, mas exercer a sua profissão de Economista. Para além disso , ninguém se lembraria de lhe dar algum cargo político de importância.
Não, Não era por ele não querer. Era mesmo porque ninguém lhe reconhece grandes méritos , para além dos da sua profissão de Economista.

Talvez os seus Ministros , o Dias Loureiro , ou o Oliveira e Costa , pegassem nos milhões que ganharam no BPN , e se lembrassem de lhe erguer uma Fundação para ele gerir na velhice.

Não percebo estes Portugueses.
Estes Portugueses , que durante 48 anos aceitaram alegremente uma ditadura Salazarista. Estes Portugueses, que se lhes perguntassem agora se queriam o Cavaca mais 20 anos iam todos a correr pôr a cruz na urna.
É inexplicável....
Mas que raio é que eles vêem no homem que eu não vejo, Carago????
Mas o homem tem alguma Aureola à volta da testa????

Qualquer dia começam a surgir candidatos do tipo Tiririca (do Brasil) cá em Portugal. E nesse caso , talvez seja um bom candidato contra este Cavaco.
Por mim se a Popota se quiser candidatar, tem o meu apoio.

As Sondagens feitas aos Portugueses mostram que o Cavaco deve ter uma maioria grande logo na primeira volta.

Este facto mostra porquê é que Portugal está na maior crise de sempre. Em estado de Pré-Bancarrota. Numa crise financeira imensa.

Porque os Portugueses escolhem sempre as piores cartas do baralho.

Mais valia que tirassem à sorte.
Fecham os olhos, e escolham um qualquer.

Porque sempre que os Portugas escolhem os candidatos que acham o melhor , deu sempre asneira.
Deu sempre para o torto.
É tudo triste; é o nosso fado...

Luis Neves

Em directo de lugar nenhum

socoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooorro

sábado, 11 de dezembro de 2010

Exuberância de opinião

tudo o que atendi de ti enzona a espurcícia

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Um passeio a Dessau

a acautelar se factível

Quanto basta; um poema

Quanto basta

Quando às vezes estou quase quase mesmo a
esquecer
quem eras, porque eras, onde estás
e a memória tenta fechar janelas
contra a chuva e contra o vento
apagar com borracha de tinta
o lamento
fazer silêncio da música que toca dentro dela
onde quer que nela vás
chega uma palavra qualquer
uma só e é quanto basta
na lareira da esperança
para limpar a tristeza
crepitar, apagar silêncios
para avivar a lembrança
como se fosse o Natal
de que perdemos o rasto
e regressa ano a ano
com ideia de ir embora
mal a gente se habitue
ao sabor a mel e canela
das prendas que nascem na árvore
mas só durem o tempo de agora
se deitem depressa fora
como fruta que envelhece
longe da seiva dela.

Teresa Martinho Marques

LN

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Carta a Friedrich Nietzsche

"vem e mata-me outra vez" ass. deus

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Um café com Saramago e Pilar (7)




Feases bem ditas
Um café mais saboroso, com a leitura destas palavras
LN

Pavimento de três lamelas exclamadas ou os efeitos do sol

!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!.!!!

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Um rogo de salvatério à nação

por todo o tácito ante a camelice dos outros

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Uso de um poder, a cavalo, pelos irmãos Bonanza

ponderosa

Caiu do Avião

Outra vez os gajos com a conversa de Camarate; e que foi, ou não foi, atentado... ou acidente...
Chiça , que já chateia sempre a mesma conversa , não se calam com a mesma Lenga-lenga desde à trinta anos .

Se querem saber já me cheira a Esturro.
Esta Piada é de mau gosto.

Quando me relembram essa história da queda do Cesna com o Sá Carneiro, lembra-me logo da história da Carochinha que me contavam quando eu era pequeno.

"Quem quer casar com a Carochinha,......"
E no final da história o João Ratão caía no Caldeirão.

E no final da história o Sá Carneiro caíu do Avião.

Porque é que Estes gajos não tornam as coisas mais simples???

LN

domingo, 5 de dezembro de 2010

James - a banda



Vieram ontem ao Porto,

e gostava de os ter ido ver;
mas não fui
LN

Quando o fundo monetário internacional toma conta do eufemismo

éfe.éme.ismo

Dia Internacional do Voluntariado

Noticia Público "Os Volunários recebem mais do que dão"

Quem é que ajuda a fazer crescer os movimentos voluntários?
"Dou aquilo que sou e sinto" Mundo a Sorrir
"Esta é a herança que quero deixar" SOS Voz Amiga
"Serei uma enfermeira melhor" Associação de Paralisia Cerebral do Porto
"Antes sentia-me vazia" Comunidade Vida e Paz

Quatro pessoas revelam quem são e o que as faz roubar tempo ao tempo que não têm para se dedicarem aos outros. Não procuram reconhecimento, não querem medalhas e há até quem não tenha contado à família aquilo que faz. Também asseguram que recebem muito mais do que aquilo que oferecem.

Notícia Renascença "Primeira conferência nacional sobre Voluntariado debate dificuldades"


Em Portugal devem existir mais de 500 mil pessoas a prestar serviço ao próximo de forma gratuita (site da Rádio Renascença)


LN

sábado, 4 de dezembro de 2010

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Toca

que também é onde se escondem os bichos marotos com dentes grandes

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Bejecoterapia

Como fui ver este espetáculo e me fartei de rir;

Com uns ciêntistas bem engraçados;



No Blog de Rerum Natura
LN

Na outra parte, deixas-me encostado à parede a lamber a tinta

felizmente é de água

terça-feira, 30 de novembro de 2010

domingo, 28 de novembro de 2010

Pódio de etiquetas

Política Vídeos Música

Chegando o Natal , o Palhço do Jardim com novo número

Estamos a 1 mês do Natal, e como é habitual começa a época de levar as crianças a ver o Circo de Natal. Uma velha tradição portuguesa. É a época alta para os Circos.

O PALHAÇO do Alberto João Jardim , veio fazer mais uma das suas palhaçadas.

Estas declarações sobre o prémio do Euromilhões que saiu na Madeira são geniais.

O sr. Passos Coelho e o Professor Catedrático das TVs o sr. Marcelo , deveriam comentar tamanho disparate. O homem está furioso por lhe cortarem as acumulações, e dá-lhe para isto.

Acho que o Sr. Passos Coelho e o Sr. Sócrates, podem desde já transferir todas as ajudas futuras que os madeirenses venham a precisar para o tão generoso OE do Euromilhões e para o seu Ministro DEUS.

E que Deus se lembre muitas vezes da Madeira, é o que eu lhes desejo , aos Madeirenses e ao seu Palhaço presidente Jardim.

LN

sábado, 27 de novembro de 2010

Aprovação do Orçamento de Estado 2011

Sobre a aprovação deste Orçamento de Estado na AR, só me apetece dizer ..... nada!
Apenas vou repetir um Post que coloquei aqui no Blog há um ano atrás.


Um homem passa pela porta do plenário da Assembleia da República e
ouve uma gritaria que saía de dentro

"- Filho da Puta, Ladrão, Salafrário, Assassino, Traficante, Mentiroso,
Pedófilo, Vagabundo, Sem Vergonha, Trafulha, Preguiçoso de Merda,
Vendido, Usurário, Foragido à Justiça, Oportunista, Engana Incautos,
Assaltante do Povo...

Assustado, o homem pergunta ao segurança parado na porta:

"- O que esta acontecendo ai dentro? Estão brigando?!

"- Não", responde o segurança. "Para mim estão fazendo a chamada para
saber se falta alguém".


Parece que todos os deputados do PS e PSD compareceram há chamada para aprovarem o dito OE.

Registo gráfico de como se chegou à presente situação e perspectivas

PASSADO PRESENTE SITUAÇÃO FUTURO

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Poemas Miguel Torga e Teresa M. Marques

Recomeçar... (Continuar?)
Recomeça...

Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças…


Miguel Torga

No Blog Tempo de Teia

imagem vladstudio

Pas de deux...

Somos, não somos?
Tão parecidos...
Olhos com sonhos
sedes de alto
caminhando em pontas
voando na noite
a meio caminho
na escada do céu
procurando na lua
alguma magia
palavras de seda
bailados de branco
música invisível
serena alegria
um porto de abrigo
adivinhando sem ver
só pelo sabor
a cor de um amigo
desses que parece
que já era nosso
antes de o ser
e que depois sobe
por nós acima
se aninha por dentro
nos conta segredos
nos escuta as histórias
nos dá mil ouvidos...

Somos não somos?
Tão parecidos...

Teresa Martinho Marques

Blog Sabor de Palavra

Não significa o mesmo que ausência de indícios suficientes

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

FIM de SEMANA do BANCO ALIMENTAR Contra a FOME



Campanha de Recolha de Alimentos em Supermercados: 27 e 28 de Novembro de 2010

No Site Banco Alimentar
"A próxima Campanha de Recolha de Alimentos em supermercados e superfícies comerciais realiza-se nos dias 27 e 28 de Novembro de 2010. Contamos consigo!

Se quiser ser Voluntário inscreva-se em

•Como Ajudar/Particulares
•Por telefone, para o Banco Alimentar da sua região
Em simultâneo, prolongando-se até 5 de Dezembro de 2010, terá lugar a Campanha "Ajuda Vale", que permite a recolha de alimentos sob a forma de vales que representam seis produtos básicos à alimentação. Esta modalidade de campanha, em que cada pessoa continua a decidir o que quer doar, permite uma simplificação dos procedimentos logísticos."

PARTICIPE NA CAMPANHA: ALIMENTE ESTA IDEIA !

LN

Dispor segmentos de recta de forma diversa entre laços

--L--T--H--K--F--Y--N--V--X--Z--

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Em Greve




LN

Ele há dias assim

looooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooonnnnnnnnnngos

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Mil novecentos e oitenta e quatro (par) dez (par) de Junho (par) pelas doze (par) e trinta (par) da manhã em maternidade ?pública?

parturido em lhanto com supercílio

GREVE GERAL - 24 Novembro

Malta que se está a organizar para a Greve de 24 Novembro

Que tal estão de Piquetes de Greve????
Amanhã nada de trabalhar para os estupores do Governo Sócrates

O Sócrates que faça os SERVIÇOS MINIMOS!
MAS não vá estragar mais do que já estragou

- Sócrates vai varrer o Chão
- Teixeira dos Santos vai fazer a recolha de Lixo
- Ministra da Educação vai para o Call Center do INEM

RAIOS os partam!
e só vão receber os salários desses serviços públicos
Tudo em GREVE
e Mais nada!!!!
Luis Neves

I would Be Good - Allanis Morrisette



Que linda que é a música da Allanis Morristte
Roubei ao Blog WebClub


LN

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

domingo, 21 de novembro de 2010

Livro que me faz falta (Ah! lembrei-me do titulo)

"Um livro de cabeceira para todos aqueles que têm medo da Matemática."

" O Diabo dos Números de H. Magnus Ensenberger, conta a história de Roberto, um menino imaginativo que sonha com peixes enormes que engolem seres humanos, escorregas intermináveis que terminam em abismos e outras maluquices e que considera a Matemática um amontoado de números e fórmulas sem qualquer sentido.
A relação de Roberto com a Matemática começa a modificar-se quando, num dos seus milhares de sonhos, Roberto encontra Teplotaxl, o Diabo dos Números.


Em 12 noites, 12 sonhos, o diabo muda por completo a imagem que o rapaz tem da Matemática. O personagem desafia Roberto com problemas e enigmas que, ao longo dos 12 sonhos, o fazem perceber que aprender a Matemática pode ser uma boa aventura. Números triangulares, expoentes, séries de Bonatchi, fracções, tornam-se numa grande festa e perdem a sua usual aparência ameaçadora.

Teplotaxl não dá aulas a Roberto com o objectivo de o ensinar a subtrair, a decorar a tabuada ou a fazer contas imensas e aborrecidas. Para isso, existem hoje as máquinas de calcular! Não!!! Ele ensina-lhe a beleza dos números. A maioria dos matemáticos de verdade nem sabe fazer contas, diz o diabo. Melhor que saber contar é saber pensar. Assim, o zero, esse cardinal que representa o vazio, deixa de ser um nada e aparece como uma invenção genial. Da mesma forma, o número um, habitualmente tão simples e que o diabo utiliza para escrever todos os números que existem: Só faço isto por causa de ti! Tu é que tens medo da Matemática e queres que tudo seja o mais simples possível para não ficares baralhado."
LN

Indicador de problemas de sinusite no sono

vrrrru rrrrrrree rorrrrerrrr rrrrreee vreeeeeeee

sábado, 20 de novembro de 2010

Os buracos na camada de ozono

cºaºmºaºdºaººdºeººoºzºoºnºoº

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

NATO- Cimeira da Treta

Um Bando de criminosos e de militares estão reunidos em Lisboa para prepararem mais crimes contra a humanidade.
Parece que lhe chamam cimeira da NATO.
Parece que são as pessoas mais poderosas do planeta , e são estupidamente tratadas como gente que defende a Segurança.
Enquanto todos os países se organizarem desta forma, e alimentarem estes Monstros Militaristas, que só têm uma missão que é amedrontar as pessoas, criar medo nas sociedades, para se justificar a si mesmas, então nunca sairemos da "Cepa torta"


Há muitos anos que a gente sabia que o País esava a cavar a sua própria sepultura. Só não via quem não queria saber.
LN

Cyndi Lauper, quando puderes telefona, vamos onde tu quiseres, o teu poster permanece à tua espera. Ass. Pedro

early in the mornin', and I ain't got nothin' but the blues

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Aperitivo numérico à base de produtos hortícolas

tomate2 pepino11 cebola8 beringela5

Sei que não vou por aí...

DESASTRE....

Hoje saíram os números do 3º Trimestre sobre o DESEMPREGO em Portugal.
Do INE ou da OCDE , não sei bem.

Subiu novamente PARA 10,9%.
É um desastre para o país....

Não vivemos só uma crise financeira....
Vivemos uma crise moral e de falta de lideranças.
É assustador vermos a incapacidade de quem dirige o Estado, a falta de iniciativas, a falta de tudo....

Como diz o Poema do José Régio , que pôs aqui no Blog, em "Cantico Negro"

"Não sei por onde vou,
Não sei para onde vou,
Sei que não vou por aí!"



LN

Um café com Saramago e Pilar (6)

"Não tenho medo da morte.
Mas tenho medo
de não viver o bastante"

José

LN

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Um café com Saramago e Pilar (5)

"O que nunca poderemos fazer
é sentar-nos a contemplar
o espetáculo do mundo
como espectadores "

Pilar

"Temos de eliminar a palavra
cansaço do nosso dicionário
pessoal. Para descansar,
temos a eternidade"

Pilar

LN

Um jurado de vogais acentuado perante uma esse a desfilar em fato de banho

a...e...í...o...u ....................................... S

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Três linha biográficas sobre o autor Venedikt Erofeev

Erofeev reivindicou ter escrito em 1972 um romance sobre o famoso compositor russo Shostakovich, mas o manuscrito foi roubado num comboio e nunca foi encontrado.

Um café com Saramago e Pilar (4)

Mais um pacote de açucar com mais uma bonita frase da Pilar.

" A morte é uma garantia,
um objectivo que vamos cumprir.
Por isso importa lutar pelo objectivo de viver"

PILAR

LN

Lição de honestidade

no blog De Rerum Natura

LN

domingo, 14 de novembro de 2010

Esteiros - Grandes Livros

A Série de Programas da RTP 2 , "Os grandes Livros" está de volta.
Hoje (Domingos) às 18:30 deu um programa sobre o Livro "Os Esteiros"
Vale a pena conhecer quais os próximos livros e autores que vão ser apresentados.


"Grandes Livros regressa no próximo dia 7 de Novembro, pelas 19H:00 na RTP2. Esta segunda série irá traçar caminho pelas vidas (e obras) de autores como Carlos de Oliveira, Miguel Torga, Júlio Dinis, Cesário Verde, José Saramago.

O primeiro episódio é dedicado ao "Livro de Cesário Verde", nas vozes dos entrevistados Maria Filomena Mónica; Helder Macedo; Pedro Mexia e Eugénio Lisboa.
Não percam estas viagens pela literatura lusófona. todos os Domingos, a partir de dia 7 de Novembro, pelas 19H:00 na RTP2."

Episódios da 2ª série:
O Livro de Cesário Verde
Esteiros ; de Soeiro Pereira Gomes
Auto da Barca do Inferno; de Gil Vicente
Uma Abelha na Chuva ; de Carlos de Oliveira
Bichos ; de Miguel Torga
São Paulo ; de Teixeira de Pascoaes
As Pupilas do Senhor Reitor ; de Júlio Dinis
Eurico, o Presbítero ; de Alexandre Herculano
Rimas de Manuel Mª Barbosa du Bocage
Crónicas de Fernão Lopes
Memorial do Convento de José Saramago



Esteiros - Grandes Livros

LN

Um a com acento circunflexo pousado numa mesa invisível a viver acima das suas possibilidade

possibilidade ...... ^..ª ........ possibilidade

sábado, 13 de novembro de 2010

Ordinariamente todos os políticos

Para ilustrar as palavras do Eça de Queiroz , vou pôr aqui fotos dos tais políticos que nos fizeram chegar ao ponto em questão ; Bancarrota , vinda do FMI , ..... ,
O Caos que dificilmente se vai conseguir ordenar


Sócrates - 5 Anos Primeiro Ministro, 4 anos Ministro Ambiente, 2 anos Ministro da presidência do concelho de ministros.
As suas realizações: A realização do Euro 2004 em Portugal

Cavaco: 10 anos Primeiro Ministro, 2 anos ministro das Finanças, 5 anos Presidente da República.
As suas principais realizações : Crescimento económico; Grande evolução das infraestruturas do país.
Soares: 10 anos Presidente da República; 6 anos Primeiro Ministro.
Realizações: A entrada de Portugal na União Europeia; resolveu a crise económica e financeira de 1983.

Dos Santos: 5 anos Ministro das Finanças, também foi Secretário de Estado das finanças no Governo Guterres.
Talvez o pior dos ministros das finanças das últimas décadas em Portugal.
É a prova de que os ditados populares muitas vezes acertam muito antes do tempo.

"A descer todos (T. Dos Santos) AJUDA"


Manela F. Leite: Ministra das Finanças de Cavaco 4 anos; Ministra das Finanças de Durão 2 anos; Ministra da Educação 2 anos ; ....
Realização :?? Recessão em 2003 ....

Durão: 2 anos Primeiro Ministro; 8 anos Ministro dos Negócios Estrangeiros
Realizações: Saiu para um cargo melhor ; Presidente da Comissão Europeia.
O lugar para que foi eleito por milhões de Portugueses ficou às moscas. O que é que interessa isso da democracia para o nosso Durão....
Santana: 1 ano Primeiro Ministro ; 4 anos Secretário de Estado da Cultura
Realizações: Sair rápidamente de Primeiro Ministro

Coelho: Este felizmente nunca foi Primeiro Ministro; 6 anos Ministro da Administração Interna.

Se fizerem as contas por alto , como fazia o Guterres;
Nos últimos 35 anos (desde 1975) estes políticos governaram o país durante 80 anos!!!!
Talvez 80 ano perdidos....
Frase de Eça de Queiroz no Blog WEBCLUB

LN

Um café com Saramago e Pilar (3)


Que belos cafés na companhia de Saramago
LN

A conivência (versão licenciosa) depilada em crescendo

cOni.._..acabrunhada

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Um café com Saramago e Pilar (2)


Uma frase de Saramago, que mostra a sua faceta optimista em relação ao Homem.
Muito bonita esta frase.
LN

A transação do conhecimento - A opinião de José Santos, vendedor de Alcobaça -

privatizar o mais rápido possível

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Inauguração de uma placa evocativa da presença de uma banda gástrica

[pe]..[rum] .. [pum]...[pum] ................[pum]..[pum]..[pum]

Um café com Saramago e Pilar




Que bonita a frase da Pilar

Nos pacotes de café delta , que boa iniciativa.

Um café mais doce.

LN

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

O efeito multiplicativo da estratégia do Benfica no jogo com o Anderlecht em 1983 - Teoria dos números -

4 x 4 x 2 ....... = .. 32 (idade que jesus cumpriu na carne)

Novo Blog Sobre tudo e sobre nada

Novo Blog da Paula
Sobre tudo e Sobre Nada
Podem ver no endereço http://sobretudoesobrenada-pcs.blogspot.com/

Aqui vai o seu Post desta semana , o Poema de José Régio
Eu tenho a minha loucura - Cantico Negro


Este é um poema fantástico

"Eu amo o Longe e a Miragem,
Amo os abismos, as torrentes, os desertos...
Ide! Tendes estradas,
Tendes jardins, tendes canteiros,
Tendes pátria, tendes tetos,
E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios...
Eu tenho a minha Loucura !
Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,
E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios...
Deus e o Diabo é que guiam, mais ninguém!
Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;
Mas eu, que nunca principio nem acabo,
Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo."


Excerto do Poema "Cantico Negro" - José Régio
Luis Neves

Projecto de Orçamento de Estado

Texto de Rui Cardoso Martins , na Revista Pública , de Domingo, 7 Novembro

Solidário entro em recessão de palavras, poupo as minhas porque descobri um conto popular que pode, espero, salvar o país da bancarrota e a mim o resto da crónica.
O conto abre a antologia de Viale Moutinho (Pub. Europa-América, 4.ª ed.). Saiu em 1998 , quando éramos ricos e modernos e havia Expos e Euros no forno, a sabedoria antiga é sempre actual. A Enfiada de Petas (nome verdadeiro) servirá quando o governo, seja qual for, tiver de falar ua última vez com o Banco Central Europeu e o FMI , a fidalguia dos mercados.

" Era uma vez um homem que não pôde pagar a renda ao fidalgo de que era caseiro. Assim, decidiu-se a pedir que lhe fosse perdoada a dívida. Porém, o fidalgo pensou que o outro lhe estivesse a mentir e respondeu:
- Só te perdoo as medidas da renda se me disseres uma mentira do tamanho de hoje e amanhã."
O Lavrador , explica o conto, foi para casa aflito, mas tinha um filho " meio tolo" que se ofereceu para o ajudar, mesmo se não atava coisa com coisa. O meio tolo foi ter com o fidalgo e começou:
" - Saberá vossa senhoria que a colheita foi má, mas isso não tem importância. Meu pai tinha tantos cortiços de abelhas que não lhe dava com a conta. Pôs-se a contar as abelhas e deu que lhe faltava uma. Botou o machado às costas e foi procurar a abelha. Achou-a pousada no cimo dum amieiro. Vai ele, cortou o amieiro para caçar a abelha, que por sinal vinha tão carregadinha de mel que ele crestou-a, e , não tendo em que guardar o mel , meteu a mão no seio e tirou dois piolhos. Da pele destes fez dois odres, que encheu. Mas quando ia entrar em casa uma galinha comeu-lhe a abelha. Atirou à galinha com o machado para a matar, mas o machado perdeu-se entre as penas. Chegou fogo às penas, e só depois que elas arderam é que achou o olho do machado. Dali correu ao ferreiro para lho arranjar, e o ferreiro fez-lhe um anzol, com que foi ao rio apanhar peixes. Pescou uma albarda. Tornou a deitar o anzol e apanhou um burro morto já há três dias, o qual ainda pestanejava. Pôs-se a cavalo nele e foi ao ferrador para lhe dar uma mezinha e ele deu-lhe foi um remédio de sumo de fava seca, mas nisto caiu-lhe um bocado no ouvido, onde lhe nasceu tamanho faval que tem dado fava e comido favas, que ainda aí trago quinze carros delas para pagar a renda a vossa senhoria."
O fidalgo, já farto de tanta da patranha, disse:
" - Ó rapaz, tu mentes com quantos dentes tens na boca.
- Pois bem , senhor, então está a nossa renda paga . "

Sumo de fava seca, um burro morto há três dias que ainda pestaneja. Da pele de dois piolhos faremos odres de mel e perdoam-nos a dívida externa, salvos por meios tolos, não há problema.


Foi ver no dicionário Priberam na Net
Odre : Vasilha para líquidos feita da pele de certos animais
Crestar : queimar levemente; tostar
Albarda : dorso da pescada

LN

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Notícias do acometimento suturado

-m-a-m-i-n-h-a- ..... €0,15

Pai...delas

Blog À Solta no Youtube: Ser Pai ... delas

Pró Henrique se ir indo habituando à ideia...

Ser Pai de meninas é mais ou menos assim...



LN

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Gaivota , Carlos do Carmo

Hoje de manhã uma gaivota veio voar em frente da minha varanda
E hoje esta música é para a gaivota que voava nos céus de Odivelas



Ln

Exclamado entre as treze e as catorze

treze !meia! catorze

Todo o Cuidado é pouco, em tempos de desespero

Blogue À solta no Youtube: Cuidado com a informação em tempos de desespero

Anúncio antigo (1987) do jornal "A Folha de São Paulo"



LN

domingo, 7 de novembro de 2010

A memória tem destinos estranhos ou Desde que tenho estas albardas largas de óbitos profundos

OOOOOOOO

Manifestação 6 Novembro; Praça dos Restauradores, 24 Novembro GREVE GERAL

06/11/ 2010
Ontem , Manifestação dos trabalhadores da Função Pública
Dezenas de milhar de pessoas a lutar contra um governo e uma política desastrosa para o nosso país.
Uma sucessão de Governos do PS e do PSD que comprometeu o País e o levou para a Bancarota.
E agora, o que resta? Sacrificar ainda mais quem trabalha???? E eles acham que as pessoas aceitam este tipo de soluções?

Ontem, Foi ali que eu estive....
Porque é preciso lutar contra estes bando de irresponsáveis

--->>> Durões, Manuelas, Dos Santos, Sócrates, Guterres, Mouras
Tudo a mesma Trampa!!!!

O sindicalista Mário Nogueira , citou a propósito destes, a canção "Vampiros" de Zeca Afonso

Os Vampiros
"No céu cinzento sob o astro mudo
Batendo as asas Pela noite calada
Vêm em bandos Com pés veludo
Chupar o sangue Fresco da manada

Se alguém se engana com seu ar sisudo
E lhes franqueia As portas à chegada
Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

A toda a parte Chegam os vampiros
Poisam nos prédios Poisam nas calçadas
Trazem no ventre Despojos antigos
Mas nada os prende Às vidas acabadas

São os mordomos Do universo todo
Senhores à força Mandadores sem lei
Enchem as tulhas Bebem vinho novo
Dançam a ronda No pinhal do rei

Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

No chão do medo Tombam os vencidos
Ouvem-se os gritos Na noite abafada
Jazem nos fossos Vítimas dum credo
E não se esgota O sangue da manada

Se alguém se engana Com seu ar sisudo
E lhe franqueia As portas à chegada
Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada "





NOTICIA "Público" :
Magistrados do Ministério Público aprovaram adesão à greve geral do dia 24

O Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP) decidiu hoje em assembleia-geral, em Coimbra, aderir à greve geral do dia 24.
“Há uma necessidade de expressar a revolta dos magistrados do Ministério Público”, declarou aos jornalistas o presidente do SMMP, João Palma.

O dirigente realçou que a adesão à paralisação nacional decretada pelas duas centrais sindicais, CGTP e UGT, visa também contestar “uma política financeira irresponsável”.

Uma política que, segundo João Palma, levou aos “sacrifícios agora pedidos” pelo Governo na sequência dos cortes nas despesas públicas previstos no Orçamento de Estado para 2011, já aprovado no Parlamento na generalidade, os quais afetam em especial os trabalhadores do Estado.

O dirigente disse que a adesão à greve geral obteve uma “votação maciça” favorável na assembleia-geral, em que participaram cerca de 250 associados de todo o país, tendo havido cinco votos contra a proposta da direção e uma abstenção.

“Existe, por outro lado, um grande sentido de solidariedade com todas as pessoas que trabalham por contra de outrem neste país e que estão a ver, sobretudo ao nível da Administração Pública, os seus salários serem abruptamente reduzidos em função da lei do Orçamento de Estado”, salientou.

O presidente do SMMP sublinhou que os magistrados “aderem à greve geral de 24 de novembro sem qualquer reserva”.

“Mais do que um direito de adesão à greve, é de um dever de cidadania que se trata”, acrescentou.

Segundo João Palma, a adesão à paralisação decretada pelas duas centrais sindicais visa “demonstrar aos decisores políticos deste país que os magistrados do Ministério Público, tal como outras grandes camadas da população portuguesa, não estão mais disponíveis para aceitar o esbanjamento dos recursos públicos e das finanças públicas”.

João Palma realçou que se verifica, com o Orçamento de Estado para 2011, uma “alteração do paradigma ou da ideia democrática da relação de trabalho que existe nas democracias modernas”.

“Estes cortes constituem uma verdadeira alteração deste paradigma”, com o Estado “a diminuir os vencimentos de uma forma unilateral”.

Cabe, pelo contrário, ao Estado “dar o primeiro exemplo de seriedade, de segurança e confiança”, o que “neste momento está a falhar por parte do Estado”, acusou.

João Palma criticou o que considera “uma gestão perfeitamente danosa dos dinheiros públicos”, bem como “a falta de critério e rigor, às vezes também de honestidade que existe na sua gestão”.

O presidente do SMMP reiterou que os magistrados do Ministério Público “vão impugnar a lei do Orçamento de Estado depois de entrar em vigor, se entrar em vigor”.
LN

A China , os interesses, ignorar, subserviência


Amnistia Internacional acusa Governo de ter afastado manifestação contra Hu Jintao por "subserviência" à China.




Concentração pelos Direitos Humanos na China

NOTICIAS:
(CDS-PP) Ribeiro e Castro defende postura «respeitosa» face à China (JN)
(BE) Bloco de Esquerda não vai à receção ao Presidente chinês no Parlamento

SIC: Governo Civil proíbe protesto pelos direitos humanos na China em frente aos Jerónimos
"Em declarações à agência Lusa, a coordenadora do Grupo da China na secção portuguesa da Amnistia Internacional, Maria Teresa Nogueira, considerou "absolutamente incrível" a ordem do governo civil, reveladora, a seu ver, da "submissão do Governo português aos interesses chineses".

A responsável disse que a AI vai acatar a ordem, ainda que "a liberdade de reunião comece a ser fortemente coartada" "

Amnistia Internacional: Governo afastou manifestação contra Jintao por subserviência
"A secção portuguesa da Amnistia Internacional acusou hoje o Governo de «subserviência» à China, por ter sido impedida de se manifestar junto ao local de passagem do presidente chinês, como estava inicialmente previsto.

Cerca de 20 manifestantes, oriundos da Amnistia Internacional, da União Budista Portuguesa e do Grupo de Apoio ao Tibete concentraram-se hoje frente à Torre de Belém protestando contra as violações de direitos humanos na China e exigindo a libertação de presos políticos ou por delito de opinião."


Então parece que agora que é preciso dizer a este Chinês que tem que respeitar os Direitos Humanos , só 20 Portugueses se juntam para o mostrar. O País Político anda a pedinchar dinheiro.
Só. Mais nada.
Nem uma palavra para libertar o recente Prémio Nobel da Paz....
Que triste figura que faz o País.
Luis Neves

sábado, 6 de novembro de 2010

Uma Justiça Criminosa!!!


PROGRAMA da SIC - CONDENADOS - 4ª feira depois do Jornal da Noite

QUEM não viu , veja!!!!
Este caso é Vergonhoso para Portugal!!!!
Esta Reportagem da Jornalista Sofia Pinto Coelho mostra como no nosso país funciona a Justiça.
Muito Mal! Este caso é de uma Injustiça que se pode considerar CRIMINOSA!

E este Juíz , deve andar por aí a julgar outras pessoas. IMPUNE!!!!

CONDENADOS : A História de ÈDER FORTES

Éder Fortes foi condenado a quatro anos e meio de prisão efectiva pelo roubo de um telemóvel e de um par de brincos. Cumpriu a pena até ao último dia.



À saída da escola, dois rapazes foram assaltados por um grupo de jovens. Roubaram-lhes um telemóvel e um par de brincos.

Uma das vítimas sempre garantiu que Éder não estava lá, mas o amigo identificou-o numa linha de reconhecimento realizada numa esquadra da PSP. Éder, na altura com 18 anos, foi posto ao lado de um segurança fardado e de um homem de 40 anos.

Uma testemunha, dona de uma empresa de mudanças, garantiu que nesse dia e àquela hora, Éder estava a trabalhar para ela. O Tribunal considerou que ela estava a mentir e não aceitou o álibi.

Éder foi condenado a quatro anos e meio de prisão efectiva. Cumpriu a pena até ao último dia.

Aos 16 anos, Éder tinha tido um problema com a justiça. Na altura, tinha sido condenado na altura a quatro anos com pena suspensa. Por causa deste processo do telemóvel, 10 meses depois de ter sido solto, voltou à prisão para cumprir a pena antiga em falta.

Foi pai em Agosto mas ainda não lhe concederam uma saída precária porque o juiz considera que "ainda é cedo para Éder ir a casa".

Luis Neves

Há tanta blenorragia que é difícil respirar

supino tagarela de arcanos luzidios

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Alguns métodos para aconchegar tes

[ttt] ... (tttttt) .... .... "tttt" .... \tttttt/ .... {tt}

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Teia de aranha

Teia de aranha
Teci durante a noite a teia astuciosa
Dum poema.
Armei o laço ao sol que há-de nascer.
Rede frágil de versos,
É nela que o meu sono se futura
Eterno e natural,
Embalado na própria sepultura.
Vens ou não vens agora, astro real,
Doirar os fios desta baba impura?

Miguel Torga

em Diário, vol IX, Poesia completa

LN

O pescoço seria muito mais útil se estivesse equipado com rolamentos de esferas (dúvida hiperbólica de versão horizontal)

=o=o==o=o==o=o==o=o==o=o==o=o==o=o==o=o==o=o==o=

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Alex não era do género de se casar

mas quando se tem cinquenta e três anos, o que é que se há-de fazer?

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Emborrachado a lápis

em apaga lá isso do

Os corpos do delito


"Não tenho por costume folhetinizar em episódios estas crónicas (como o taoista, chamo-lhes assim porque não sei que nome têm e posto que tenho que chamar-lhes alguma coisa), mas as declarações do "porta-voz oficial da PSP" ao DN acerca da detenção de quatro raparigas e um rapaz da JCP que pintavam um mural na Rotunda das Olaias, em Lisboa, talvez justifiquem, na sua exemplaridade novilinguística, uma excepção.

A PSP considera naturalíssimo e "decorre[nte] das medidas cautelares de polícia" que duas das jovens detidas (menores, tudo o indica) tenham sido obrigadas a despir-se completamente na esquadra. Porque tudo terá tido, pelos vistos, a maior pureza de propósitos: fazer-lhes uma "revista sumária" (imagine-se o que será uma "revista completa") à procura de "armas, de fogo ou brancas" ou "produtos cujo transporte pode ser considerado crime, nomeadamente drogas".

Dir-se-ia, pois, que é rotina da PSP, de modo a pôr a nu todas as suspeitas possíveis sobre comuns cidadãos "conduzidos à esquadra", pedir-lhes o BI e mandá-los logo pôr-se em pelota. Talvez seja, mas, a crer no que se passou, será só com jovens raparigas, já que, no caso, os agentes se dispensaram de qualquer actividade por assim dizer investigatória no corpo do rapaz. Aparentemente, nem as mochilas do grupo terão sido revistadas. Só os corpos das jovens.

Há-de ter havido um bom motivo para isso. Talvez até mais do que um. "

Manuel António Pina (crónica no JN)
mural da JCP - Porto

Que vergonha!!!!
Quem prende esta Policia????
Estes Policias não deveriam eles próprios ir para dentro das grades e ficar lá dentro sem as chaves para sair????

mural da JCP - Porto


Imagens do site da JCP - http://www.jcp-pt.org/index.php

Do Blog Cravo de Abril um Poema

POESIA E PROPAGANDA

Hei-de mandar arrastar com muito orgulho,
pelo pequeno avião da propaganda
e no céu inocente de Lisboa,
um dos meus versos, um dos meus
mais sonoros e compridos versos:

E será um verso de amor...

Alexandre O'Neill

LN

Obrigando-os a despir-se


"Militantes da JCP viram, mais uma vez, ser impedida a pintura de um mural junto à Rotunda das Olaias, em Lisboa, tendo sido identificadas duas pessoas e apreendido o material usado (...).

A pintura mural (...) já tinha sido impedida dois dias antes chegando os agentes da PSP a deterem e insultarem os jovens comunistas, obrigando-os a despir-se e retendo-os durante várias horas na esquadra".

A notícia vem no "Avante!" e em numerosos blogues (alguns particularizam que eram quatro raparigas e um rapaz) e, a confirmar-se, não é surpreendente para quem conheça o que se passa hoje em certas esquadras da PSP e relatórios internacionais regularmente vêm denunciando.

Como não surpreende que a notícia tenha singularmente "escapado" à generalidade da imprensa e das TV, mesmo àquelas que fazem dos "faits-divers" o pão nosso noticioso de cada dia e que nem aquele afrontoso "obrigando-os a despir-se" parece ter sido capaz de interessar.

Gostaria de estar certo, eu que sou um ingénuo, que o comportamento a vários títulos abusivo da PSP (a pintura de murais em locais públicos é um direito reconhecido por lei e um parecer do Tribunal Constitucional condena impedimentos ao seu exercício) e o silêncio dos media não se deve ao facto de os cinco jovens serem militantes de uma organização comunista.

Mas temo, sobretudo, o que pode significar o facto de um caso destes já não ser hoje notícia entre nós.
Manuel António Pina

QUE VERGONHA!!!!....
QUEM PRENDE OS PPOLICIAS???
QUEM JULGA OS JUIZES???

quem tem comportamentos contra a lei e contra os direitos das pessoas não pode integrar os corpos do estado que têm essa função...
Mas não lhes ensinam isto nas escolas de policia e de juizes????

Ver noticias
Quando os bandidos são da policia... no Blog Cantigueiro
Todos os dias no Blog Cravo de Abril

LN

domingo, 31 de outubro de 2010

Olha Quandas a fazer...?

Sócrates e Teixeira



Olha Bela merda o que andas a fazer
LN

Bhaskara com parte imaginária

bhax2+skax+ra=0

sábado, 30 de outubro de 2010

Alguns números felizes com Ges

44 G G 23 G G G 68 G 391 G GG GGG

Through the Sea of Houles - Yellow Submarine

Beatles mais uma vez.

Portugal : Atravessando o mar dos Buracos
onde vivemos
A meter água por todos os lados




Jeramy, What do you Know abaut Houles?
Be empirecle!
José Sócrates...

LN

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

NOWHERE MAN

para Portugal
a música dos Beatles "Nowhere Man"
He's a real nowhere man,
Sitting in his nowhere land,
Making all his nowhere plans
for nobody.

Música dedicada ao PM Sócrates





E uma música dedicada ao ministro Teixeira dos Santos






Nowhere Man
The Beatles
Composição: Lennon / McCartney

He's a real nowhere man,
Sitting in his nowhere land,
Making all his nowhere plans
for nobody.

Doesn't have a point of view,
Knows not where he's going to,
Isn't he a bit like you and me?

Nowhere man, please listen,
You don't know what you're missing,
Nowhere man, the world is at your command.

He's as blind as he can be,
Just sees what he wants to see,
Nowhere man can you see me at all?

Nowhere man, don't worry,
Take your time, don't hurry,
Leave it all 'till somebody else
Lends you a hand.

Doesn't have a point of view,
Knows not where he's going to,
Isn't he a bit like you and me?

Nowhere man, please listen,
You don't know what you're missing,
Nowhere man, the world is at your command.

He's a real nowhere man,
Sitting in his nowhere land,
Making all his nowhere plans
For nobody.
Making all his nowhere plans
for nobody.
Making all his nowhere plans
For nobody.

LN Pois é....

Um preclaro averbamento de vac(q)ui(e)dade

à que tempo que não te via

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O Homem do Censo

Hoje de manhã ouvi o "SINAIS" de Fernando Alves da TSF, e vale a pena ouvir este programa na TSF.

"Os "Sinais" nas manhãs da TSF, com a sua marca de água de sempre: anotação pessoalíssima do andar dos dias, dos seus paradoxos, das suas mais perturbadoras singularidades. Todas as manhãs, num minuto, Fernando Alves continua um combate corpo a corpo com as imagens, as palavras, as ideias, os rumores que dão vento à actualidade."

Sinais
De Segunda a Sexta, 08h50m





Texto saiu no El Pais


TRIBUNA: PABLO DE SANTIS
Muerte con las calles vacías

"El día había empezado distinto y casi irreal: era el día del censo. Cada diez años, contamos cuántos somos, cómo están integradas las familias, dónde vivimos, y qué grado alcanza la deserción escolar. ¿Tiene su casa agua corriente? ¿Cuántos integrantes de la familia tienen un trabajo estable? El censo cambió completamente la fisonomía de la ciudad, aún más que un feriado. Negocios cerrados por ley, y el pedido del gobierno de que permaneciéramos en nuestras casas. Las calles de Buenos Aires, siempre llenas de automóviles y peatones, quedaron desiertas; el ruido de las bocinas y los motores fue reemplazado por el canto de los pájaros. A pesar de que los chicos no tenían que ir al colegio, me levanté temprano. Como todas las mañanas, encendí la radio: en los noticieros casi no tenían noticias que dar. Con buen tino, los locutores incitaban a que los vecinos de la ciudad recibiéramos bien a las maestras y maestros encargados de la tarea, y que los invitáramos con un café con leche. El habitual reporte de accidentes de tráfico fue suspendido por falta de choques. Era un día perfectamente irreal, miércoles disfrazado de domingo y llevado a su quintaesencia. Todos estábamos en casa con nuestras familias y haciendo planes para la tarde. ¿A quién visitaríamos?

Pasadas las 9 llegó la noticia de la muerte de Kirchner que golpeó en cada casa como si se tratara de otro extraño censo, encargado de averiguar nuestras reacciones ante lo inesperado. Cada vez que llueve, sentimos que vemos la lluvia por primera vez, que nos habíamos olvidado de que existía. Con la muerte ocurre algo parecido: nos llega la noticia de que ha muerto el ex presidente, pero a la vez la noticia de que existe la muerte, como si no lo supiéramos del todo. Kirchner era la imagen misma de la vitalidad; los conflictos, que a las personas comunes nos desgastan, a él parecían alimentarlo. Inclusive su problema cardíaco, lejos de mostrarlo como alguien vulnerable, aumento su imagen de vitalidad, ya que salió de la clínica casi de inmediato, como si una operación así fuera semejante a una torcedura de muñeca o un raspón. Ya nadie hablaba de su salud, solo de las elecciones del año que viene, y de las probables alianzas. En medio de la paz sobrenatural, su muerte aumentó la sensación de irrealidad, como si nuestras ciudades desiertas hubieran sido el escenario largamente preparado para que recibiéramos la noticia.

Pero otra cosa hará que nos quede en la memoria la relación entre el censo y la muerte de Kirchner. Desde siempre hemos sido un país que se pregunta por su identidad. Incesantemente hemos buscado que nos respondan cómo somos, como si hubiera una evanescente esencia, siempre en fuga, que sólo un ojo ajeno pudiera descubrir. Visitantes como Ramón Ortega y Gasset y Julián Marías, en épocas distintas, tuvieron esa misión de oráculos importados. Y cada censo reactualiza esas cuestiones, como si los números fueran una lengua encriptada que permite acercarnos a una demorada y secreta verdad. Kirchner encarnó como nadie los enfrentamientos de la política argentina. Todo giró a su alrededor estos últimos años, y ahora ese centro ha quedado vacío. Su muerte pasa una planilla con preguntas que todavía no se pueden responder.

Pablo de Santis es escritor argentino.
LN

Homenagem tardia ao peixe batata cozida com casca do Oceanário de Lisboa

para .........................para .. ....para .............para ..

WebClub: Há dias


WebClub: Há dias

Li e Copiei do WebClub

Há dias em que julgamos
que todo o lixo do mundo
nos cai em cima
depois ao chegarmos à varanda avistamos
as crianças correndo no molhe
enquanto cantam
não lhes sei o nome
uma ou outra parece-me comigo
quero eu dizer :
com o que fui
quando cheguei a ser luminosa
presença da graça
ou da alegria
um sorriso abre-se então
num verão antigo
e dura
dura ainda.


Eugénio de Andrade

Mais cores para o Blog

LN